quinta-feira, 28 de maio de 2015

Aniversário da Cecília na Maria Fumaça


A Cecília, priminha da Gigi, fez dois aninhos. Como ela mora em Barbacena surgiu a ideia de se fazer o aniversário num passeio de Maria Fumaça, lá pertinho em Tiradentes. Combinamos tudo e acordamos cedo pra pegar a estrada para Minas...  Na padaria a Gigi tava lindona pra festa!



A viagem foi longa mas bem tranquila. Chegamos em Tiradentes e juntamos as priminhas para uma foto pertinho da Maria Fumaça.

(As primas: Rafaela, Cecília e Giovanna)

Mas na hora de comprar os ingressos descobrimos que já estava esgotado. Putz! Viemos de Petrópolis! Conversamos com o pessoal da estação e eles nos deixaram fazer a festa no vagão assim mesmo, antes do trem sair. As priminhas adoraram entrar no trem e deram um trabalhão pra vovó Luisa.


E foi a maior correria para enfeitar o vagão pra festinha. Enche balão, pendura faixa, pega os docinhos...




Ao final cantamos parabéns para a Cecília e depois todo mundo comeu os bolinhos de aniversário, que estavam uma delícia.


Mas o trem tinha que partir e a gente tinha que arrumar e limpar tudo. Que trabalheira! Deixamos o vagão limpinho e fomos pra rua ver a Maria Fumaça passar.


Mas já era tarde e a turma toda estava com fome. Nos despedimos do trem e fomos almoçar num restaurante de comida da roça. Depois do almoço terminamos a festinha da Cecília ali pertinho mesmo.


A Gigi tava se lambuzando de bolo. Nem parecia aquela menina elegante que viajou pra Minas... rsrsrs


O passeio de trem vai ficar para outra vez. Ficamos devendo essa pras crianças. Mas Tiradentes é pertinho e a gente logo volta.



segunda-feira, 25 de maio de 2015

Gigi manda um beijo para os amigos do Colégio EDUSESC Gama


A nossa pequena aventureira Gigi manda um beijão pros amigos do Colégio EDUSESC Gama que estão visitando e mandando mensagens para o nosso blog.


Gigi também está indo pra escolinha e já sabe fazer uns desenhos e rabiscos.


sexta-feira, 22 de maio de 2015

Final de Semana nos Três Picos


Eu tinha uma reserva no Refúgio Canto da Pedra para esse mês de maio, lá nos Três Picos. Era para um Workshop de Fotografia de Montanha, que acabou não acontecendo. Segurei a reserva e convidei alguns amigos para passar o final de semana lá.

A viagem de ida foi na sexta a noite. Acomodamos a Gigi na cadeirinha e pegamos a estrada. Fazia bastante frio.


Chegamos no Refúgio por volta das 11 da noite. Encontramos nossos amigos - Alexandre Motta, Ângela Motta, Marcos Pinto e Camila Guerra - e tomamos um vinho antes de dormir.

Amanheceu um sábado nublado e frio. Tomamos aquele café da manhã gostoso do Refúgio.


Logo que esquentou um pouquinho a gente saiu para caminhar. Fomos curtindo a paisagem bucólica do Vale do Jaborandi até o Refúgio Kinderdorf


No Refúgio Kinderdorf encontramos a Andréia e a Zazá. Gigi aproveitou para brincar com a amiguinha e também brincar no balanço e passear de carrinho de mão com o Motta.




Depois fomos passar no Refúgio. Zazá sempre mostrando o caminho pra Gigi.


A manhã no Refúgio foi gostosa. Andreia fez um suco para as crianças e a gente ficou por ali curtindo e fotografando.


Lá pelas tantas o Motta botou um velho jipe Willys para funcionar. Depois levou a Gigi e a Zazá para dar uma volta.




Depois da bagunça nos despedimos da Andréia e da Zazá e descemos o vale até o Refúgio das Águas, onde fizemos uma "degustação" da famosa Cerveja Três Picos. Na hora do brinde até a Gigi participou com seu copinho azul.




Mas já era hora do almoço e começou a chuviscar. Voltamos rapidinho pro nosso Refúgio. Depois do almoço o tempo fechou de vez e acabamos passando uma tarde preguiçosa jogando conversa fora. Gigi aos poucos ia perdendo o medo do Gatinho, que ela chamava de Nina. Pra Gigi todos os gatos são "Nina".


À noite rolou o tradicional rodízio de Pizza. Chegaram mais alguns amigos e nós "enxugamos" algumas garrafas de vinho.

Eu, Marcos e Camila combinamos de madrugar para tentar fotografar o amanhecer. Curiosamente não ouvi o despertador tocar mas acordei assim mesmo. Estávamos um pouco atrasados mas arriscamos a saída. Pegamos o meu jipinho Vitara e partimos para o laguinho do Vale do Jaborandi.

Quando chegamos o dia já começava a clarear e nós corremos para a margem do lago. Era o início da "Hora Mágica".


As cores foram ficando mais intensas e a gente foi fazendo nossas fotos.



Camila acabou fazendo uma bela foto, que também foi o making-of da minha foto acima.

(foto de Camila Guerra)

Descemos para os pinheiros para ver o sol nascer. Ficamos ali curtindo o visual no famoso banquinho do Refúgio Kinderdorf.




Na volta para o Refúgio percebemos que os Três Picos estavam envoltos numa bonita nuvem, que parecia um véu. Parada para fotografar...

(foto de Camila Guerra)


Voltamos para o café da manhã no Refúgio. O tempo estava ótimo e dava vontade de passear mais. O Alê Portella nos deu a dica de subir um morro chamado Novo Mundo, que poderia ter uma bela vista para os Três Picos. Após o café o grupo de dividiu. O Motta foi resgatar o carro do Alê que estava quebrado, A Ângela, a Gi e a Gigi foram visitar o Seu Zé e a Dona Maria na fazenda deles, e eu, Marcos e Camila arriscamos uma ida ao Novo Mundo.


A subida do Novo Mundo começa ao lado da casa do nosso amigo Marquinhos. O céu estava bem bonito com algumas formações de nuvens que pareciam jet streams.

(foto de Marcos Pinto)


A subida foi tranquila, por pastos. O topo do morro tem algumas árvores e a gente ficou ali tentando inventar algumas fotos.



Depois retornamos todos para o refúgio para um churrasco. Gigi se divertia tocando sua gaitinha, mas ainda estava com medo da Nina... rsrsrs

video

Depois do churrasco arrumamos nossa tralha para pegar a estrada de volta pra casa. Mais um ótimo final de semana nos Três Picos... Já deu saudade...



quarta-feira, 6 de maio de 2015

Caminhando no Bosque Santa Helena


O Bosque Santa Helena é um dos atrativos da sede do Parque Nacional da Serra dos Órgãos, em Teresópolis. É o bosque que fica ao lado do Piscinão, bem próximo ao Centro de Visitantes. Nesse feriadão do Dia do Trabalho eu precisei ir ao Parque para levar umas fotos e acabamos aproveitando para caminhar no bosque.

Gigi já está grandinha e agora vai no chão, sempre procurando os bichinhos que ela gosta: bisôio (besouro), iaiatixa (lagartixa ou calango), nhânha (aranha), ilo (grilo), iquilo (esquilo), papo (sapo), pipiu (passarinho) e bêta (borboleta).



Gigi se sentia a exploradora, olhando tudo. Depois de caminhar um pouco paramos numa das muitas mesinhas de pedra para descansar e beber água.




Nos riachinhos ela parava e ficava um tempão vendo a água passar.


No fim ela viu um casal cochilando na grama e gostou da ideia... Ficou ali quietinha olhando pro céu.


Nesse nosso passeio conseguimos ver algumas aranhas, passarinhos e pequenos insetos. Gigi vai aprendendo desde cedo a não ter medo e a respeitar. A cada encontro a gente olha um pouquinho e depois cada um segue seu caminho.

Para quem tem filhos pequenos o Bosque Santa Helena é uma ótima opção para um passeio ou mesmo um pique-nique nas mesinhas. Vale a pena visitar antes a exposição iterativa do Centro de Visitantes para conhecer um pouco os animais típicos do Parque.